Training Professionals for Home Birth Assistance Capacitação em atenção ao Parto Domiciliar

It launched in Brazil the first training course for professionals who wish to start to attend a planned and secure home birth.

Capacitação em atenção ao Parto Domiciliar

“O parto domiciliar planejado é uma estratégia segura para o resgate da humanização, por permitir e incentivar a privacidade, autonomia e a liberdade de escolhas pela mulher e sua família e por exigir dos profissionais a adoção de uma postura de respeito ao adentrar no espaço de domínio do outro.

Uma mulher com gestação de baixo risco pode ter como ambiente para dar à luz a sua própria casa. A Organização Mundial de Saúde (OMS) reconhece o domicílio como um local adequado e seguro para o nascimento, em função dos bons resultados obstétricos e por favorecer o resgate da fisiologia do parto, desde que seja opção da mulher e que ela e sua família recebam um cuidado seguro no momento do parto. A escolha pelo parto domiciliar está em ascensão no país e é uma tendência irreversível, como já ocorre em outros países.

A OMS aponta os denominados “skilled attendants” (atendentes qualificados – enfermeiras obstetras, obstetrizes, médicos da família ou médicos obstetras) como os profissionais aptos para o acompanhamento do parto no domicilio e habilitados para eventuais complicações.

É imprescindível conhecer as particularidades que permeiam o parto domiciliar no intuito de contribuir na construção de alicerces para esta prática. Assim, a Capacitação em Parteria Urbana: atenção ao parto domiciliar, tem como objetivo instrumentalizar os profissionais para as circunstâncias que cercam o evento do nascimento, subsidiando-os com conhecimentos baseados nos preceitos da humanização e nas atuais evidências científicas.

Desta forma, convidamos os profissionais que desejam prestar um cuidado respeitoso e cientificamente embasado, resgatando o protagonismo da mulher e família no evento do nascimento a participarem da capacitação, que contará com instrutores de renome no atendimento ao parto domiciliar no Brasil e de outros países. Entre eles: Melania Amorim, Dan Gayoso, Ricardo Herbert Jones, Rosa Maria Sartori Guerra, Ana Cristina Duarte, Joyce Green Koettker, Vania Sorgatto Collaço, Leila Katz, Ana Paula Caldas, Naoli Vinaver.

São 25 vagas abertas para profissionais de todo o país.

Maiores informações contato@maternar.com.br ”

Tatianne Cavalcanti Frank – Enfermeira obstetra e organizadora do curso

Birth Sround the World supports this initiative!

É lançado no Brasil o primeiro curso de capacitação para profissionais que desejam começar a assistir ao Parto Domiciliar planejado e seguro.

Capacitação em atenção ao Parto Domiciliar

“O parto domiciliar planejado é uma estratégia segura para o resgate da humanização, por permitir e incentivar a privacidade, autonomia e a liberdade de escolhas pela mulher e sua família e por exigir dos profissionais a adoção de uma postura de respeito ao adentrar no espaço de domínio do outro.

Uma mulher com gestação de baixo risco pode ter como ambiente para dar à luz a sua própria casa. A Organização Mundial de Saúde (OMS) reconhece o domicílio como um local adequado e seguro para o nascimento, em função dos bons resultados obstétricos e por favorecer o resgate da fisiologia do parto, desde que seja opção da mulher e que ela e sua família recebam um cuidado seguro no momento do parto. A escolha pelo parto domiciliar está em ascensão no país e é uma tendência irreversível, como já ocorre em outros países.

A OMS aponta os denominados “skilled attendants” (atendentes qualificados – enfermeiras obstetras, obstetrizes, médicos da família ou médicos obstetras) como os profissionais aptos para o acompanhamento do parto no domicilio e habilitados para eventuais complicações.

É imprescindível conhecer as particularidades que permeiam o parto domiciliar no intuito de contribuir na construção de alicerces para esta prática. Assim, a Capacitação em Parteria Urbana: atenção ao parto domiciliar, tem como objetivo instrumentalizar os profissionais para as circunstâncias que cercam o evento do nascimento, subsidiando-os com conhecimentos baseados nos preceitos da humanização e nas atuais evidências científicas.

Desta forma, convidamos os profissionais que desejam prestar um cuidado respeitoso e cientificamente embasado, resgatando o protagonismo da mulher e família no evento do nascimento a participarem da capacitação, que contará com instrutores de renome no atendimento ao parto domiciliar no Brasil e de outros países. Entre eles: Melania Amorim, Dan Gayoso, Ricardo Herbert Jones, Rosa Maria Sartori Guerra, Ana Cristina Duarte, Joyce Green Koettker, Vania Sorgatto Collaço, Leila Katz, Ana Paula Caldas, Naoli Vinaver.

São 25 vagas abertas para profissionais de todo o país.

Maiores informações contato@maternar.com.br ”

Tatianne Cavalcanti Frank – Enfermeira obstetra e organizadora do curso

Parto Pelo Mundo apóia essa iniciativa!

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *